5 razões INCRÍVEIS para usar a Moringa no tratamento das dores

2
822

Quem já sentiu algum tipo de dor, sabe o quanto ela pode ser uma experiência extremamente desagradável e, algumas vezes, até mesmo incapacitante!

Por isso, buscar algo que ajude no tratamento da dor é extremamente importante, especialmente para as pessoas que convivem diariamente com ela!

Nesse sentido, a Moringa Oleífera pode ser a melhor aliada. Isso porque, diversas pesquisas comprovam que a Moringa ajuda no tratamento das dores!

Saiba mais: O que é a Moringa Oleífera: 3 coisas que você precisa saber!

Mas antes de falarmos de como a Moringa ajuda no tratamento das dores, é preciso primeiramente entender o que é a dor. Aliás, você sabia que a dor pode se dividir em 2 tipos diferentes?

Quais são os 2 tipos de dor?

moringa ajuda no tratamento da dor
Embora cada dor seja única, os médicos costumam classificá-la em dois tipos: aguda e crônica!

A dor pode ter origens extremamente diferentes, como um corte superficial, uma fratura, uma cólica ou o câncer, por exemplo.

De acordo com a IASP, a Associação Internacional para Estudos da Dor (International Association for the Study of Pain, no inglês), dor pode ser definida da seguinte forma:

 “Experiência sensitiva e emocional desagradável associada ou relacionada a lesão real ou potencial dos tecidos”.

Embora a dor seja uma experiência subjetiva e muito particular, os médicos as dividem em duas categorias diferentes:

  1. Dor Aguda: Costumam durar por um curto período de tempo, no máximo 3 meses. Exemplos: dor de cabeça, fratura, cólica.
  2. Dor Crônica: São dores que duram por um longo período de tempo, geralmente mais de 3 meses. Exemplos: câncer, artrite, asma.

Saiba mais: Você sabe a diferença entre artrite e artrose?

Guia prático da Moringa OleíferaEmbora desagradáveis, as dores agudas são importantes para o corpo. Isso porque elas funcionam como um alerta biológico de que algo no seu corpo não vai bem!

Entretanto, toda dor aguda que persiste por mais de 3 meses pode ser considerada crônica. E é aí que o problema acaba ficando mais sério porque a dor crônica não tem nenhuma função biológica.

A dor crônica pode interferir negativamente na vida das pessoas. Segundo revelou um estudo recente, cerca de 37% da população brasileira sofre com as dores crônicas!  

As causas variam desde uma simples dor na coluna até a artrite reumatoide, por exemplo. E o pior é que segundo indicou o mesmo estudo, quem mais sofre com as dores crônicas são mulheres na faixa de 40 anos!

Saiba mais: Teste da artrite: você faz parte do grupo de risco?

Como funciona o tratamento da dor?

moringa no tratamento da dor
O tratamento da dor dependerá de vários detalhes, principalmente da intensidade da dor.

Bom, a verdade é que isso dependerá muito da dor em questão, ainda que se caracterizem da mesma forma.

Por exemplo, ainda que uma cólica e uma fratura sejam dores agudas, o tratamento de ambas será relativamente diferente!

Entretanto, tradicionalmente podem ser necessários medicamentos analgésicos para o tratamento da dor. O tipo e a posologia também podem depender muito do tipo, da duração e da intensidade da dor, entre outros fatores.

Em geral, os analgésicos se dividem em 3 grupos. Dá só uma olhada!

  1. Analgésicos Adjuvantes: São geralmente utilizados para tratar outros problemas, como dores de convulsões mas que, algumas vezes, aliviam a dor.
  2. Analgésicos Não-Opioides: São eficazes no tratamento da dor leve a moderada e muito utilizados para tratamento da dor, já que não causam dependência.
  3. Analgésicos Opioides: Utilizados para tratamento da dor crônica grave. Entretanto, podem causar dependência química e tolerância e, por isso, são controlados!
Saiba mais: Conheça as 4 principais doenças reumáticas!

Alguns analgésicos são mais efetivos para dores causadas por lesões comuns dos tecidos, a chamada dor nociceptiva. Porém, o tratamento da dor neuropática – que ocorre devido a lesão ou disfunção dos nervos, medula ou cérebro – pode exigir um tratamento com opioides.

O grande problema desse tipo de tratamento da dor é que ele inclui muitos efeitos colaterais, como sonolência, náuseas, confusão, constipação, entre muitos outros.

Por essa razão, em muitos casos os tratamentos com analgésicos, opioides ou não, são combinados com tratamentos não-farmacológicos, os famosos tratamentos homeopáticos!

Saiba mais: Fitoterapia não é o mesmo que medicamento fitoterápico!

Isso porque, em sua maioria, os tratamentos à base de plantas têm se mostrado muito eficazes no tratamento da dor. Além disso, se feitos corretamente, podem diminuir a dependência dos analgésicos!

É o caso dos tratamentos com Moringa Oleifera! 

Guia prático da Moringa Oleífera

Como a Moringa ajuda no tratamento da dor?

moringa ajuda no tratamento da dor
As folhas da Moringa possuem um potencial terapêutico capaz de ajudar no tratamento da dor!

Segundo diversos estudos, a Moringa pode ajudar no tratamento das dores de diversos tipos. Por exemplo, estudos de 2010 demonstraram que ela pode ser utilizada no tratamento da artrite, da hérnia de disco e da osteoporose!

Além disso, ela também pode ser utilizada no tratamento da diabetes, da hipertensão e até mesmo da desnutrição!

Você pode gostar: 8 dicas valiosas para emagrecer com responsabilidade! 

Outro estudo, feito em 2017, afirma que o pó da planta atua contra a proliferação do efeito MCF7, que causa o câncer de mama. Além disso, a moringa pode ajudar a diminuir os efeitos colaterais dos tratamentos quimio e radioterápicos.

Porém, como a Moringa ajuda no tratamento da dor crônica e aguda? Isso é devido à composição química, especialmente das folhas da planta!

Saiba mais: É possível prevenir o câncer de mama?

Conheça agora 5 razões que farão você usar a Moringa no tratamento da dor!

1. Combate os radicais livres no seu corpo

Radicais livres são os principais responsáveis por causar danos ao corpo humano, já que danificam as células sadias.

Isso pode levar ao desenvolvimento de doenças como a diabetes, o câncer, o Alzheimer, a osteoporose, dentre muitas outras. Além disso, podem piorar o quadro de dor, já que contribuem para o envelhecimento das células.

Entretanto uma alimentação rica em antioxidantes pode ajudar a reverter essa situação. Os antioxidantes são os principais responsáveis por neutralizar os radicais livres perigosos no organismo!

E o melhor é que, ao consumir a Moringa Oleifera, você pode dar uma ajudinha ao seu corpo! Isso porque são encontrados cerca de 46 antioxidantes diferentes nas folhas da Moringa!

Por isso, a Moringa ajuda no tratamento das dores mais diversas e inclui-la na sua alimentação trará muitos benefícios!

Saiba mais: 3 formas de consumir a Moringa Oleífera que você precisa conhecer!

2. Combate as inflamações no seu organismo

Não é à toa que os anti-inflamatórios são os queridinhos da indústria farmacêutica! Afinal de contas, eles são muito eficazes no tratamento de processos inflamatórios no organismo.

Aliás, a inflamação dos tecidos é algo extremamente comum nos casos de dor. É o caso da artrite reumatoide, uma doença crônica e inflamatória que atinge cerca de 1% da população.

Saiba mais: O que é a Artrite Reumatoide e quais os sintomas?

Guia prático da Moringa OleíferaPorém, o uso prolongados de analgésicos pode prejudicar o funcionamento de algumas funções do organismo devido aos múltiplos efeitos colaterais. Felizmente, esse não seria um problema no caso do uso da Moringa Oleífera!

Isso porque existem cerca de 36 anti-inflamatórios naturais nas folhas da Moringa Oleífera. Portanto, usar a Moringa no tratamento da dor não prejudica o organismo.

Devido a sua alta concentração de, ácidos graxos, fenois, esterois e isocianatos, assim como de diversos outros nutrientes, o extrato de Moringa ajuda no tratamento de dor inflamatória. Inclusive em doenças crônicas como a bronquite e a asma!

Por isso, ao incluir a moringa no tratamento da dor você só terá a ganhar!

3. Combate a fadiga e a dor muscular

Um nutriente essencial para o combate da dor e, especialmente da fadiga, é o potássio!

Ele é o terceiro mineral mais abundante e desempenha um papel extremamente importante na nutrição humana. É ele o responsável pelo funcionamento saudável de todas as células, tecidos e órgãos do corpo humano.

Além disso, ele ajuda na regeneração dos músculos e, portanto, no tratamento da dor. Por isso, se a sua alimentação é pobre em potássio, é muito provável que você sinta muita fadiga, dor muscular, cãibras e até mesmo dor de cabeça!

E, embora esteja quase sempre associado à banana, esse nutriente também pode ser encontrado em muitos outros alimentos. Porém, há cerca de 15x mais potássio no extrato das folhas de Moringa do que na banana!

Por isso, ao consumir regularmente a Moringa, você estará ingerindo a quantidade necessária de potássio para o bom funcionamento do seu corpo!

Saiba mais: Tratamento natural para Artrite Reumatoide à base de Moringa Oleífera!

4. Aumenta as defesas do seu corpo

Embora estejam muitas vezes associadas à carne, a proteína também é encontrada nas folhas da Moringa Oleífera. Aliás, a proteína é um nutriente essencial para o funcionamento do seu corpo!

Isso porque os músculos e tecidos são compostos por proteínas estruturais. Na verdade, as proteínas atuam até mesmo no nosso DNA, já que ele é uma ordem específica de aminoácidos e, portanto, proteínas.

Mas, além disso, ele é responsável por regular praticamente todas as funções do organismo. Sua falta é capaz de prejudicar funções básicas do corpo, causando fadiga, diminuição do sistema imunológico e, claro, dores. 

Por isso, o consumo de Moringa ajuda a regular os níveis de proteína no organismo, a reparar os tecidos danificados e a combater a dor muscular. Em outras palavras, uma alimentação rica em proteínas é essencial no tratamento da dor!

Você pode gostar: Testosterona baixa pode causar problemas na saúde do homem!

5. Ajuda a proteger o organismo

Nada melhor para lubrificar o seu organismo do que os ácidos graxos essenciais, mais conhecidos como gorduras!

Na verdade, existem 4 tipos de gorduras que nosso corpo adquire através da alimentação. São elas: colesterol, a gordura saturada, a gordura monoinsaturada e os ácidos graxos.

No caso, as mais importantes para o funcionamento perfeito do seu corpo são as gorduras insaturadas e os ácidos graxos, especialmente do ômega 3. Isso porque eles ajudam a diminuir inflamações e a regular outras funções do seu corpo, como a circulação e a lubrificação das articulações!

E o que isso tem a ver com a Moringa? Tudo!

As folhas da Moringa Oleífera são uma excelente fonte de ômega 3 e, portanto, consumi-la regularmente fará maravilhas pela sua saúde!

Saiba mais: 3 maneiras incríveis de consumir a Moringa Oleífera!

E se você conhece outros motivos que tornam a Moringa a maior inimiga da dor, comente aqui embaixo!

E-book Artrite Reumatóide 468x60px

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here